LOJA OFICIAL DO BELO ON-LINE - ACESSE JÁ!!!

LOJA OFICIAL DO BELO ON-LINE - ACESSE JÁ!!!

MARQUE O BOTAFOGO-PB NA TIMEMANIA

MARQUE O BOTAFOGO-PB NA TIMEMANIA

sexta-feira, 15 de janeiro de 2021

Paraibano de 2021 vai começar em 17 de março, com formato mais enxuto e apenas um rebaixado


Dirigentes dos clubes chegaram a um consenso...
(Foto: Expedito Madruga / ge)

Vai ter Campeonato Paraibano em 2021 sim! Dirigentes da Federação Paraibana de Futebol (FPF) e dos clubes da elite se reuniram nesta sexta-feira e confirmaram não apenas a realização da competição - que chegou a ser cancelada -, mas também escolheram o formato de disputa, mais enxuto, e definiram que apenas oito equipes vão mesmo participar, com somente um rebaixado. A bola começa a rolar no dia 17 de março, com previsão de término para 23 de maio.

O encontro aconteceu em um hotel de João Pessoa, com a cúpula da FPF e representantes de Atlético-PB, Botafogo-PB, Campinense, Nacional de Patos, Perilima, São Paulo Crystal, Sousa e Treze, os oito remanescentes do Campeonato Paraibano do ano passado.

Formato de disputa

O formato de disputa escolhido prevê uma primeira fase com os oito clubes se enfrentando no sistema de todos contra todos, mas apenas com jogos de ida. Ao fim desse primeiro momento, apenas o último colocado estará rebaixado; os dois primeiros colocados avançam direto para as semifinais; e terceiro, quarto, quinto e sexto colocados se classificam para uma espécie de repescagem - 3º x 6º e 4º x 5º -, de onde sairão os dois outros semifinalistas.

As semifinais serão disputadas em jogo único, com mando de campo para os times que terminaram a primeira fase nas primeiras colocações. Os perdedores desses duelos se enfrentam em um jogo único para a definição do terceiro colocado, e os vencedores seguem para a decisão, esta sim disputada em jogos de ida e volta.

Com esse formato, estará atendido o desejo da presidente da FPF, Michelle Ramalho, e de alguns clubes, de realizar o Campeonato Paraibano de maneira mais enxuta: serão, ao todo, 11 datas, três a menos que a edição de 2020: sete na primeira fase, uma na repescagem, uma nas semifinais e duas na final.

Tabela definida

Após a definição do formato de disputa do Campeonato Paraibano, partiu-se para o sorteio que definiu os confrontos. Dirigente mais velho entre os presentes, Aldeone Abrantes, presidente do Sousa, foi quem iniciou o procedimento.

Importante destacar que, como cada time fará sete jogos na primeira fase, metade deles será mandante em quatro partidas e visitante em três - Campinense, Perilima, São Paulo Crystal e Sousa - e a outra metade será mandante em três e visitante em quatro - Atlético-PB, Botafogo-PB, Nacional de Patos e Treze.


(Imagem: Botafogo-PB)

  
E o regulamento?

A FPF já cravou o início do Campeonato Paraibano de 2021 para o dia 17 de março, exatamente daqui a 60 dias. Importante ressaltar que o Estatuto do Torcedor determina que qualquer competição só pode começar 60 dias após a divulgação da tabela (ainda que básica) e do regulamento; ou seja, a Federação precisa publicar esses documentos ainda nesta sexta-feira. 

Os detalhes sobre o regulamento ainda não foram publicizados, mas, ainda durante o Conselho Arbitral,alguns pontos foram mencionados. Arthur Alves - que é presidente da Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol da Paraíba (Ceaf-PB) - comentou algumas questões, além de confirmar que os árbitros paraibanos farão uma pré-temporada entre os dias 22 e 25 de janeiro.

ALGUMAS DEFINIÇÕES SOBRE O REGULAMENTO:

  • os perdedores das semifinais se enfrentarão em um jogo extra para se definir o terceiro colocado;
  • só haverá um rebaixado para a 2ª divisão;
  • para efeitos de mando de campo na final, serão descartados os jogos da repescagem (3° x 6º e 4° x 5°);
  • os cartões serão zerados ao fim da primeira fase;

Divergências entre os dirigentes

O formato do Campeonato Paraibano deste ano tinha a predisposição de ser algo muito parecido do que ficou definido no Conselho Técnico da manhã desta sexta-feira - as únicas diferenças ficaram pelo acréscimo da fase de repescagem e também a decisão do terceiro lugar. De um lado, Campinense, São Paulo Crystal e Sousa queriam um torneio mais extenso, com jogos de ida e volta na primeira, antes de partir às fases finais. Do outro, Botafogo-PB, Nacional de Patos e Treze divergiam das opiniões dos outros três e desejavam uma disputa mais curta e "barateada", como se referiu Cleodon Bezerra, presidente do Canário do Sertão.

Michelle Ramalho deu início à reunião apresentando dois modelos de regulamento - ambos previam apenas um clube rebaixado. A primeira proposta seria com a primeira fase em turno único, classificando-se os quatro primeiros para as semifinais. A segunda apontava também turno único, com os dois primeiros passando para as semifinais, e os times da terceira à sexta posição disputando as outras duas vagas nas semifinais em uma repescagem.

Ao longo do encontro, o presidente do São Paulo Crystal, Múcio Fernandes, sustentou a posição de querer um campeonato mais longo e defendeu também, inclusive, a realização de um jogo extra para se decidir o terceiro colocado entre os clubes derrotados na semifinal, consequentemente aprovada por quase todos os representantes, exceto o Treze, que preferiu que a definição sobre o terceiro colocado partisse da classificação final da primeira fase.

Já Aldeone Abrantes se mostrou preocupado com a fórmula escolhida para disputar o campeonato de 2021 e teme que ela perdure para os próximos anos.

- Esses campeonatos suicidas a gente só aguenta um ano - disse Aldeone.

Depois de muito debate e decisões tomadas entre os envolvidos na reunião, o regulamento foi definido, a tabela de jogos conhecida para a edição 2021 do Campeonato Paraibano e a bola começa a rolar a partir do dia 17 de março.


Fonte: Botashow c/ (GE/PB)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TIMEMANIA - APOSTE NO BOTAFOGO-PB COMO O TIME DO CORAÇÃO!


TIMEMANIA - Marque o Botafogo-PB como seu time do coração!!!